OS  HOMENAGEADOS

jota-web1.jpg

Jota Quest

Publicado em 12/07/2008

Atualizado em janeiro de 2020

 

Uma das bandas mais populares do cenário Pop Rock nacional, o JOTA QUEST, imprime suas mãos na “RockWalk Brasil® – A Calçada da Fama do Rock”, na tarde ensolarada de sábado, 12 de julho de 2008, em seu Estúdio de Belo Horizonte.

 

Numa das poucas pausas das gravações de seu mais recente trabalho “La Plata”, o sexto álbum de estúdio da banda mineira que seria lançado no final do mesmo ano, os músicos Rogério Flausino, Marco Túlio, PJ, Paulinho Fonseca e Márcio Buzelin recebem com entusiasmo e muita simpatia a equipe RockWalk Brasil®.

 

Colocada estrategicamente no gramado do jardim da belíssima casa que abriga o QG da banda, a placa da Calçada da Fama receberia então as impressões das mãos dos artistas e seus autógrafos, além de alguns desenhos que Rogério faz questão de registrar. A guitarra, já tradicional nas cerimônias do projeto, é autografada por todo o grupo, agora parte integrante da mostra que acompanhará as turnês nacionais da RockWalk Brasil®, e integrará o acervo do futuro “Museu do Rock”.

 

Muito receptivos e bem-humorados, os componentes da banda mais uma vez mostram que além de sua competência musical, também têm carisma de sobra e que respeitam profundamente seus fãs, que a cada dia mais crescem em função dos sucessos consecutivos que o grupo vem merecidamente emplacando no país.

 

O Grupo Pop Rock da capital mineira, originariamente batizado “J.Quest”, formado em Belo Horizonte em 1993, teria se inspirado no desenho animado ‘Jonny Quest’ para escolher o nome da banda. No entanto, e para não serem processados pela Hanna-Barbera, detentora dos direitos da marca, o grupo mudaria para “Jota Quest” no final da década de 90. Há também uma versão que diz que a alteração teria sido feita por Tim Maia, que desde o início se referia a banda como Jota Quest.

 

Apaixonado pela black music (soul/funk/disco) e acid jazz, o baixista PJ se junta ao baterista Paulinho Fonseca e decidem formar uma banda, e convidam na sequência o guitarrista Marco Túlio Lara e o tecladista Márcio Buzelin para a formação do novo grupo. Rogério Flausino somente seria escolhido após vencer um teste com outras dezenas de candidatos.

Em 1996 seriam finalmente contratados pela Sony Music para gravar seu primeiro álbum “J. Quest”, trazendo os singles de destaque "As Dores do Mundo" (de Hyldon) e "Encontrar Alguém".

Em 1998, já como Jota Quest, a banda lança “De Volta ao Planeta”, agora já como um grupo de sucesso nacional. O hit "Fácil" é uma das faixas mais executadas e o grupo conquista seu primeiro disco de Platina, batendo o registro de mais de 250 mil cópias vendidas, número bastante expressivo para o momento.

Depois vieram “Oxigênio”, o mais Rock’N’Roll da carreira, com as baladas românticas "Dias Melhores", "O Que Eu Também Não Entendo" e "Tele-Fome", e assim por diante se sucedem vários lançamentos de sucesso, mantendo a banda sempre no topo das paradas.

Em 2005 seria gravado um show especial da turnê MTV ao vivo no Claro Hall, Rio, projeto lançado em CD e DVD, além de “Até Onde Vai”, lançado no final do mesmo ano.

 

Dez anos depois do lançamento do primeiro CD, a banda faz apresentações nos Estados Unidos e na Europa, onde participa da abertura do Rock in Rio Lisboa, dividindo palco com Carlos Santana e Roger Waters.

Em Julho de 2012 seria lançado mais um álbum em CD e DVD, dessa vez, trazendo todo o registro do show no Rock in Rio 2011.

Em 2013 chega a nova compilação “Mega Hits”, primeiro álbum digital com a Sony Music, e no mesmo ano o Jota Quest é líder de downloads pagos no Brasil, atingindo a impressionante marca de três milhões de músicas baixadas até então.

Em 2017 chegariam às lojas o CD e DVD “Acústico Jota Quest - Músicas Para Cantar Junto”.

 

Em 2019 o Jota Quest anuncia o décimo álbum de estúdio e um documentário completíssimo sobre toda a carreira da banda. Paralelamente à produção do disco e do filme, o grupo também divulga as turnês 2020 / 2021, em grande produção comemorativa aos 25 anos de carreira.

CATEGORIA

‘IN MEMORIAN’

ordem alfabética

André Matos

Antonio Marcos

Banda The Jet Blacks

Big Boy

Bolão e Seus Rockettes

Carlos Alberto Belmont

Carlos Imperial

Cassia Eller

Cazuza

Celly Campello

Chico Science

Dino

Dom & Ravel

Dori Edson

Ed Wilson

Eddy Teddy

Geraldo Brandão

Henrique Bartsch

Itamar Assumpção

Jessé

João Augusto

José Ricardo

Júlio Barroso

Luizinho & seus Dinamites

Mamonas Assassinas

Manito

Marcelo Fromer

Meire Pavão

Mingo

Nora Ney

Paul de Castro

Paulo Henrique

Pedrinho Batera

Pedro Gil

Raul Seixas

Renato Russo

Rodrigo Netto

Rogério Duprat

Ronnie Cord

Rossini Pinto

Sérgio Murilo

Sergio Sampaio

Silvinha Araújo

Teddy Milton

Terry Winter

Tico Terpins

Tim Maia

Torquato Neto

Waldir Anunciação

Wander Taffo

Zé Rodrix

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

© 2008 by MMP ROCK Business. All Rights reserved ®